sábado, 11 de abril de 2015

Sobre a vida e canções

Mais uma vez volto aqui pro meu lugar do coração. Tenho uma paixão um pouco secreta pela escrita. Me faz bem escrever. Obviamente, necessitaria um bom tempo para que eu aperfeiçoasse o método de escrita e, confesso, muito mais leitura para poder ser capaz de escrever de uma forma clara, mais atraente e com palavras mais doces. Mas aqui vamos nós.
Minha vida vem seguindo bem. Talvez esteja um pouco mais feliz no trabalho (apesar de uma mudança que terei em breve, infelizmente não desejada, mas talvez necessária). O coração também está melhor, menos machucado. Aquela ideia de que jamais terei outra experiência no amor já passou. E eu sei que não adianta buscar nada. E está tudo bem: seguimos em frente.

Uma coisa bem clara e, confesso, agradável de sentir, é que aquela sua música especial já não representa muita coisa. Chorava a cada vez que a escutava. Hoje, é mais uma no meu iPod. A vida é meio assim: as coisas passam. Bem, parte delas. E ainda assim devo concordar que sofrer é melhor que não sentir nada.

Não vou me alongar muito hoje. Eu estou feliz. E isso, por hora, basta. Como já sabido, a dor ajuda a escrever. A felicidade não deixa muito tempo.

Um comentário:

  1. Amigo, bom ter notícias tuas!!!
    E tudo passa! Essa é uma das coisas mais sábias que existem na vida...

    Grande abraço

    ResponderExcluir